Portal News:

Produção de petróleo acumula queda de 1,8%

De acordo com a estatal, um dos motivos para a redução foram paradas programadas na Bacia de Campos

Rio. A produção da Petrobras acumula queda de 1,8% em 2013 até fevereiro, na comparação com a média de 2012. A Petrobras divulgou na noite da última quinta-feira que a produção exclusiva de petróleo (óleo e LGN) no Brasil, em fevereiro, foi de 1,920 milhão de barris por dia (bpd). É o segundo mês seguido de queda, depois de três meses de recuperação. Em janeiro, a produção recuara 3,3% em relação a dezembro. E, em fevereiro, caiu outros 2,2%.

A companhia manteve a meta de 2,022 milhões de barris para este ano, mas admitindo uma variação de 2% para cima ou para baixo Foto: Divulgação

A produção da Petrobras recuou 2% em 2012, na comparação com 2011. A maior baixa aconteceu em setembro, com 1,842 milhão b/d. Houve recuperação no fim do ano, com aumento em outubro, novembro e dezembro. Mas, em janeiro, a companhia já havia registrado queda de 3,3% na produção brasileira, para 1,964,5 milhão b/d.

Meta mantida

A presidente da Petrobras, Graça Foster, manteve a meta de 2,022 milhões de barris para este ano, mas admitindo uma variação de 2% para cima ou para baixo. Graça alertou em fevereiro que é mais provável que a produção fique 2% abaixo da meta do que acima. A Bacia de Campos foi a grande responsável pela queda de produção no ano passado, o que foi influenciado pela decisão da companhia de parar plataformas para manutenção. Neste ano, a produção média de janeiro e fevereiro 1,592 milhão b/p em Campos acumula queda de 3,9% em relação a dezembro.

Graça Foster decidiu estagnar a produção em 2012 e em 2013 para colocar as plataformas em manutenção. Mês a mês, administra a entrada de uma nova plataforma no pré-sal com a parada de uma plataforma antiga para reparos.

A Petrobras informou que, em fevereiro, a queda do volume produzido decorreu, principalmente, de paradas programadas em plataformas da Bacia de Campos - P-37 (Marlim), P-53 (Marlim Leste) e P-54 (Roncador), além de ter sido mantida a parada programada da P-33 (Marlim), iniciada em janeiro, cujo maior impacto na produção refletiu-se em fevereiro.

Novas plataformas

Também segundo a Petrobras, a queda da produção foi parcialmente compensada pela entrada em operação de três novas plataformas: o FPSO Cidade de São Paulo, em 5 de janeiro, que opera o projeto-piloto de Sapinhoá, na Bacia de Santos; o TLD de Sapinhoá Norte, nessa mesma bacia, em 12 de fevereiro; e o FPSO Cidade de Itajaí, instalado no pós-sal da porção sul da Bacia de Santos, em 16 de fevereiro.

Ceará
No Ceará, conforme boletim da Agência Nacional de Petróleo Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), foram produzidos, em janeiro deste ano, 9.103 barris de petróleo - 6,9% a mais do que no mês anterior, quando foram produzidos 8.514 barris.

Redução

3,3% foi o decréscimo registrado pela Petrobras na produção de petróleo, em todo o País, em janeiro deste ano, em comparação com o mês anterior

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escreva o seu comentário abaixo. Se quiser uma resposta, deixe seu endereço de e-mail que em breve estaremos respondendo...

Acompanhe-nos
Facebook- www.facebook.com/portaldiscipulos
Twitter- @eliseurosa
E-mail: portaldiscipulos@gmail.com

Deus abençoe!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

© Copyright Portal Discípulos- Portal gospel de notícias do Brasil 2015 | Design by K8 Informática |Powered by Portal Discípulos.