Portal News:

João Campos explica porque seu projeto não pode ser chamado de “cura gay”

João Campos explica porque seu projeto não pode ser chamado de “cura gay”
O deputado João Campos (PSDB-GO) usou o Twitter para explicar o Projeto de Decreto Legislativo (PDC) 234/2011 que recebeu o nome, pejorativamente, de “cura gay” e que foi aprovado na sessão desta terça-feira (18) na Comissão de Direitos Humanos e Minorias.
Negando que o texto fale de curar homossexuais, o deputado afirma que a proposta defende a autonomia do profissional de psicologia que apenas no Brasil fica impedido de ajudar os pacientes que se queixam da opção homossexual.
“No PDC 234 defendo a autonomia do profissional de psicologia. A resolução do CPF ofende o inc. XIII do artigo 5º da CF”, escreveu ele.
O texto do projeto tenta sustar os artigos 3 e 4 da resolução nº 1/1999 do Conselho Federal de Psicologia que diz: “Art. 3° – os psicólogos não exercerão qualquer ação que favoreça a patologização de comportamentos ou práticas homoeróticas, nem adotarão ação coercitiva tendente a orientar homossexuais para tratamentos não solicitados.
Parágrafo único – Os psicólogos não colaborarão com eventos e serviços que proponham tratamento e cura das homossexualidades.
Art. 4º – Os psicólogos não se pronunciarão, nem participarão de pronunciamentos públicos, nos meios de comunicação de massa, de modo a reforçar os preconceitos sociais existentes em relação aos homossexuais como portadores de qualquer desordem psíquica.”

Ao se justificar, o deputado diz que a “resolução do CFP ofende um dos princípios da ética medica, a autonomia do profissional” e que esta seria uma das razões para que a Câmara aprove seu projeto. “Eis outra razão porque aprovar o PDC 234: a Resolução do CFP é homofóbica, pois se o homossexual quiser ser ajudado não pode, mas o hetero pode.”

Não é cura gay

Foi também pelo Twitter que João Campos explicou de onde surgiu o nome “cura gay”. “Os ativistas gays denominaram o PDC 234 de cura gay tentando desqualificá-lo e desacreditá-lo para que fosse rejeitado. Não conseguiram”, disse ele.
Criticando a polêmica que foi feita pela aprovação do texto na CDHM, Campos afirmou que é ignorância dizer que sua proposta tentar curar homossexuais. “A Resolução do CFP trata psicólogos e homossexuais como cidadãos menores. Desrespeita-os. A decisão da CDHM corrige isso.”
“Será que tem gente esclarecida e de boa fé que acredita nessa bobagem de que o PDC 234 versa sobre cura gay?? Tenho pena…”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escreva o seu comentário abaixo. Se quiser uma resposta, deixe seu endereço de e-mail que em breve estaremos respondendo...

Acompanhe-nos
Facebook- www.facebook.com/portaldiscipulos
Twitter- @eliseurosa
E-mail: portaldiscipulos@gmail.com

Deus abençoe!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

© Copyright Portal Discípulos- Portal gospel de notícias do Brasil 2015 | Design by K8 Informática |Powered by Portal Discípulos.