Portal News:

Redes sociais voltadas para evangélicos continuam crescendo

Redes sociais voltadas para evangélicos continuam crescendoRedes sociais voltadas para evangélicos continuam crescendo
De tempos em tempos surgem novas redes sociais querendo atrair o imenso público que passa cada vez mais tempo online. Com isso, surgiram segmentações voltadas para grupos específicos. A maioria delas acaba tendo vida curta ou um crescimento muito lento.
Quase imediatamente após uma dessas novas plataformas fazer sucesso, surgem as versões evangélicas. E isso não ocorre apenas nos EUA. O Brasil teve uma tentativa de criar um “Orkut” para evangélicos. Chamava-se “Meu Maná”. Não decolou.
Talvez a rede mais bem sucedida foi o GodTube, que seguia a proposta de vídeos do Youtube. Pouco tempo depois gerou uma variação, o Tangle, que seria uma versão segmentada do Facebook. Não funcionou.
A maior rede social do mundo viu surgirem versões como o Faithbook que se intitula “a rede social para a família e para a fé” e o God’s FaithBook que ainda estão online, mas nunca “decolaram”. O ShoutLife, que fugia da associação direta e não tinha “Face” em seu nome, encerrou as atividades no início deste ano, após 7 anos de atividade.
Sem falar nas diferentes versões de redes sociais para quem procura namorado na rede, como o ChristianSingles.com.
Com a “explosão” do Twitter, em 2009, surgiram os microblogs Godwitter e Christian Chirp e, que também limitava as mensagens a 140 caracteres. Ambos já estão fora do ar, o primeiro durou menos de um ano e o segundo ficou no ar até outubro de 2013.
O motivo para a falência desses e de outros sites similares foi a falta de dinheiro para manutenção. Alguns apelavam para doações, outros mostravam propagandas. Mas a audiência insignificante resultou em sua desativação. Aparentemente os cristãos não querem ficar confinados a redes onde todos pensam (quase) igual. Por trás do surgimento de quase todas elas, a justificativa dos criadores é que existe uma censura nas grandes redes contra material e ideias cristãs.
Ainda assim, surge uma nova tentativa. O Pinterest, que permite ao usuário criar uma espécie de mural onde pode postar apenas imagens e alguns vídeos é possivelmente a rede que mais cresce atualmente. E já ganhou sua versão gospel, o Godinterest.
O site explica que pretende ser “uma plataforma para ajudar os cristãos e as igrejas, oferecendo-lhes um lugar para compartilhar eventos, citações bíblicas e ideias inspiradoras, entre outras manifestações de fé”. Somente o tempo dirá se essa nova tentativa dará resultado.
Curiosamente, muitas dessas redes com temática evangélica que ainda estão no ar, a maioria já usa outra abordagem. Permitem que seus usuários as acessem usando o login do Facebook ou do Twitter, ou seja, acreditam que as pessoas não estão interessadas em se desligar da rede em que podem se comunicar com todos os seus conhecidos não evangélicos, mas que podem eventualmente entrar numa delas para conversar sobre assuntos de fé e fazer novos amigos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escreva o seu comentário abaixo. Se quiser uma resposta, deixe seu endereço de e-mail que em breve estaremos respondendo...

Acompanhe-nos
Facebook- www.facebook.com/portaldiscipulos
Twitter- @eliseurosa
E-mail: portaldiscipulos@gmail.com

Deus abençoe!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

© Copyright Portal Discípulos- Portal gospel de notícias do Brasil 2015 | Design by K8 Informática |Powered by Portal Discípulos.